Image

Imperfeito do Subjuntivo com música (Parte 3)

Imperfeito do Subjuntivo com música (Parte 3)

October 17, 2016
Image

Oi, pessoal! Tudo bem? Como muita gente acaba acessando o Falando Português buscando dicas para aprender ou ensinar  os  verbos no Imperfeito do Subjuntivo com música, vou compartilhar com vocês mais três canções, beleza?

Dicas anteriores: Parte 1 e Parte 2 .

Eu passei este final de semana ouvindo música e acabei descobrindo que Clarice Falcão além de atriz é cantora e compositora. Quem acompanha o trabalho do Porta dos Fundos deve conhecê-la, pois, até o ano passado, Clarice fazia parte do elenco.

Então, entre um clique e outro no youtube, ouvi dois álbuns dela: Monomania e Problema Meu. As suas canções têm arranjos simples, apresenta fatos do cotidiano de forma irônica e sarcástica. Clarice explora bem o universo dos apaixonados. Se você gosta disso, vai adorar as suas canções. Ah, eu ouviria tranquilamente Clarice num fim de tarde de domingo, vendo o pôr do sol na Ponta do Humaitá.

Enfim, vamos ao que nos interessa nesta postagem:

Imperfeito do subjuntivo com música.

A primeira música, Macaé, é bem divertida, dei muitas risadas ao ouvi-la – confesso. “A letra fala de uma pessoa tão obcecada pela outra que dá medo.” Seria um ótimo tema para ser explorado nas aulas de português para estrangeiros e de sobra o estudo dos verbos no futuro do subjuntivo e  imperfeito do subjuntivo com música.

 

A segunda música, Talvez, explora as suposições. O que seria de nós se isso ou aquilo não acontecesse? Essa é ótima para estudar o imperfeito do subjuntivo, mas  acredito que este seja um trecho um pouco confuso de entender:

Talvez
Se eu não tivesse um troço
Lá dentro da barriga
Que eu sinto que está dançando a dança da garrafa
E que nunca se cansa, e que é uma girafa
Se esse bicho imundo não subisse até o pescoço

 

 

A terceira música é chamada Capitão Gancho. Essa é minha preferida! Clarice explora as nossas memórias, os mínimos  detalhes que formam o “eu”. Uma excelente música para introduzir uma atividade de produção textual na qual os nossos aprendizes escrevam sobre si,  suas memórias e aquilo que os tornam iguais ou diferentes dos outros.

 

As canções dela são bem simples. Você pode pedir para seus aprendizes fazerem encenações, análise das letras, cantarem para praticar a pronúncia  e muito mais. Use a sua imaginação! 😉

Bom, gente, essas foram as minhas dicas de hoje. Espero que tenham gostado. É sempre bom apresentar outros sons, ritmos, canções além dos clássicos.

Sinceramente, eu me surpreendi com o número de fãs que ela e o Porta dos Fundos têm, são jovens e adolescentes que estão crescendo e explorando outros sons e outras formas de fazer humor. Vale a pena conferir.

Se você gostou da dica, comente, curta, compartilhe. Aproveite e curta a página do Falando Português no Facebook: oficial.falandoportugues.

Abraço forte em você e até a próxima.

 

Comentários