Image

Livro | Resenha do livro Extraordinário

Livro | Resenha do livro Extraordinário

June 13, 2016
Image

Oi, pessoal!

Antes da resenha do livro “Extraordinário”, vou contar-lhes uma historinha. Juro que serei breve.

Convidei uma ex-aluna para participar da corrente “livro da semana” aqui no blog. A ideia era, como o próprio nome sugere, publicar uma resenha, por semana, de algum livro que alunos ou ex-alunos meus ou de outros professores estivessem lendo, produzida por eles. Os maiores objetivos eram: dar visibilidade aos textos produzidos por eles e incentivar – de algum modo – a leitura.

Muita gente ficou empolgada e curtiu a ideia (juro!), mas entre as desculpas de fim de semestre, provas etc. e tal, a Bia foi a única quem cumpriu com a palavra. Ainda bem!

11012620_951924291546752_4508684571496355561_n

 

O mais interessante disso é que quando tive a ideia do “livro da semana” imediatamente pensei nela. Por quê? De todos os alunos que tive – até hoje, ela foi a única que passava a aula – quase toda – lendo um livro. Uma vez ou outra, levantava a cabeça para checar a aula.

Não, o assunto da aula não era tão desinteressante assim! =D Acho que o livro era muito bom, e ela queria logo terminar de lê-lo.

Bem… vou deixar de blá, blá, blá!

Confira abaixo a resenha dessa linda e futura psicóloga! A- GOOOOO-RA!

 

 

Resenha do livro “Extraordinário” por Biiah Costa

O livro Extraordinário, da autora R. J. Palacio, é um verdadeiro prato cheio para os leitores que amam personagens cativantes, que fazem ter um interesse maior em conhecer cada vez mais deles.

Além de ter a narração do próprio Auggie, também há outros personagens que acabam nos contando, por outros olhos, sobre essas dificuldades de adaptação do personagem principal.

E pra quem gosta de frases diversas, esse livro é lotado delas, além de serem extremamente reflexivas.

livro extraordinário frases
Eu ganhei esse livro de presente de um amigo e, como sou uma leitora que escolhe os livros pela capa, admito ter gostado de cara, por ser uma capa bem simples, mas bonita.

A sinopse também foi um prato cheio para que eu me interessasse ainda mais e começasse a lê-lo o mais rápido possível. Qual não foi a minha surpresa ao ver o quanto a história estava me prendendo.

Apesar de ser apenas um menino de dez anos, ele mostra, no decorrer da história, que pode até mesmo nos dar lições de vida.

Auggie demonstra que as pessoas são mais do que aparência e nos faz perceber o quanto as julgamos antecipadamente apenas por serem esteticamente diferentes ou, até mesmo, por não se encaixarem nos padrões de beleza.

nao julgue uma pessoa pela capa
Admito que criei um amor muito grande pelos personagens e que, de alguma forma, esse livro mudou bastante a minha forma de ver as coisas; me fez ver que devo pensar duas vezes antes de julgar alguém ou tratar diferente por detalhes estéticos e priorizar quem a pessoa é, invés de dar mais importância a aparência que ela tem. Apesar de ser o básico do básico para se por em prática, nós acabamos deslizando algumas vezes e esse livro veio como uma lembrança dessas “regras” básicas.

É um livro emocionante, impactante e extraordinário. Definitivamente, é um daqueles livros que a gente indica para todo mundo, que morre de amores pelos personagens, lê e quer reler de novo.

E como diz em um dos preceitos mais importantes dessa obra, em minha opinião, e que eu realmente levo pra vida, de um dos personagens extremamente especiais desse livro…
“Quando tiver que escolher entre estar certo e ser gentil, escolha ser gentil.” ― Dr. Wayne W. Dyer

Afinal, gentileza nunca foi demais e é uma das coisas que o mundo realmente tá precisando.

Espero que, após ler essa resenha, você tenha interesse em ler esse livro! ;D

 

Comentários